Siga nossas Redes Sociais

Da obediência e sujeição

18/06/2021 . Formações

Baseada na Imitação de Cristo, livro 1, cap. IX

João 14,21: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é que me ama. E aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu o amarei e manifestar-me-ei a ele”.

Obedecer é uma virtude fundamental para nosso crescimento espiritual. Ela será sempre um dos pontos mais custosos a nós. Quantas vezes nos dizemos cristãos, católicos, consagrados numa nova Comunidade, mas não obedecemos ou simplesmente fingimos obedecer.

“Muitos estão obedecendo, mas aflitos e murmurando”, diz a Imitação de Cristo; é justamente pela nossa inclinação ao pecado que levamos dentro de nós. Recordemo-nos que Eva e Adão perderam o paraíso por desobediência ao Senhor, se deixando seduzir por satanás que os enganou.

E a obediência é provada quando a nós nos é pedido algo em contra a nossa vontade. Aí realmente veremos o grau que temos na virtude da obediência, pois obedecer quando alguma indicação nos é prazerosa ou a favor do que desejamos, é fácil. Bendita a alma que sabe obedecer por amor, em todas as situações, exceto se é pedido a ela algo em contra os mandamentos ou leis da Igreja.

Como é bela a humildade ao obedecer, como é preciosa aos olhos de Deus aquele que, motivado pela fé obedece. Vale mais do que muitos sacrifícios. Disse Jesus a Santa Faustina: “Concedi a graça àquela alma pela qual Me pediste, mas não pela mortificação que tu mesma escolheste; foi apenas pelo ato de total obediência para com o Meu representante que dei a graça a essa alma pela qual Me pediste e suplicaste misericórdia. Fica sabendo que, quando mortificas em ti a vontade própria, então a Minha vontade reina em ti”. (Diário, 365)

É pelo nosso egoísmo, nossa soberba, que rejeitamos obedecer. Nenhuma quantidade de penitência, mortificação ou boas obras pode compensar o cumprimento da vontade do Senhor. Cristo valoriza nossa obediência a Ele mais do que os nossos sacrifícios.

Jesus sempre vai nos dizer: “Obedeça meus mandamentos. Obedece seus superiores, estime-os, seja a eles consolo. Busque minha vontade acima de tudo, e ela também se manifesta pelos seus superiores; assim lhe darei tudo o que precisa. Reze, mortifique-se e ofereça penitências, mas na medida em que o leve a me obedecer mais. Sem a obediência amorosa não me agradam seus atos”.

Peçamos a Maria, Mãe da obediência, a graça de obedecer como Ela! Consolemos o Coração Imaculado de Maria obedecendo motivados pela fé! Quem obedece não erra, pode errar quem mandou obedecer.

Minha benção. Tudo por Jesus nada sem Maria!

Seu servo fundador, Pe. Alexandre Paciolli, iCM

Curados para amar – A palavra tem poder OUVIR TODOS