Siga nossas Redes Sociais

Novena a Santa Faustina Kowalska – de 26 de setembro a 04 de outubro

27/09/2021 . Formações

Acompanhe pelo instagram diariamente a transmissão da novena direto do Vale da Misericórdia,

as 12h em português e as 15h em espanhol

 

Clique aqui para baixar a versão para impressão

Primeiro dia: Conhecimento do mistério da Divina Misericórdia.

 

Jesus: “Vossa vida deve modelar-se pela Minha desde a manjedoura até a morte na cruz. Mergulha nos Meus mistérios e conhecerás o abismo da Minha misericórdia para com as criaturas e a Minha insondável bondade – e a darás a conhecer ao mundo” .

Irmã Faustina: “Ó Deus, como desejo que as almas Vos conheçam e saibam que as criastes por um amor inconcebível! Ó meu Criador e Senhor, sinto que conseguirei entreabrir o véu celeste para que a terra não duvide da Vossa bondade” .

Santa Faustina, conceda-me a graça de penetrar cada vez mais profundamente no mistério da Divina Misericórdia, na obra da criação, salvação e glória, para que, como você, eu a faça conhecer ao mundo.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Segundo dia: A contemplação da misericórdia na vida cotidiana.

 

Jesus: “Quando refletes sobre o que te digo no profundo do teu coração, tiras maior proveito do que se tivesses lido muitos livros. Oh, se as almas quisessem ouvir a Minha voz, quando falo no profundo dos seus corações, em pouco tempo atingiriam os cumes da santidade” .

Irmã Faustina: “Não busco a felicidade fora do meu interior, no qual Deus habita. Alegro-me com Deus no meu próprio interior onde permaneço com Ele continuamente; onde está o meu convívio mais íntimo com Ele; onde permaneço com Ele em segurança; onde não me atinge o olhar humano. E a Virgem Santíssima me estimula a uma tal convivência com Deus” .

Santa Faustina, ensina-me a estar com o Senhor em minha própria alma, a ouvir a Sua voz e a viver com Ele todos os momentos da minha vida. Conceda-me a graça de contemplar a Misericórdia na vida cotidiana.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Terceiro dia: A atitude de confiança diante de Deus.

 

Jesus: “Minha filha, se por teu intermédio peço aos homens devoção à Minha misericórdia, deves ser a primeira a distinguir-te pela tua confiança Nela” .

“Minha filha, garanto-te recursos constantes de que viverás. A tua obrigação é confiar totalmente na Minha bondade, e a Minha é dar-te tudo de que necessitas. Eu mesmo faço-Me dependente da tua confiança; se ela for grande, a Minha generosidade não terá limites” .

Irmã Faustina: “Ó Deus Único na Santíssima Trindade! Quero amar-Vos como nenhuma alma humana Vos amou e, embora eu seja por demais miserável e pequena, lancei bem fundo a âncora da minha confiança no abismo da Vossa misericórdia – meu Deus e meu Criador! Apesar da minha grande miséria, de nada tenho medo, mas tenho esperança de eternamente cantar para Vós o hino de louvor” .

Alcança-me, Santa Faustina, a graça de confiar no Filho, para que através d’Ele, sempre e em tudo, cumpramos fielmente a vontade de Deus, que para nós é a própria misericórdia.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Quarto dia: A atitude de misericórdia para com os outros.

 

Jesus: “Minha filha, (…) Espero de ti atos de misericórdia que devem decorrer do amor para Comigo. Deves mostrar-te misericordiosa com os outros sempre e em qualquer lugar. Tu não podes te omitir, desculpar-te ou justificar-te. Eu te indico três maneiras de praticar a misericórdia para com o próximo: a primeira – a ação, a segunda – a palavra e a terceira – a oração. Nesses três graus é contida a plenitude da misericórdia, pois constituem uma prova irrefutável do amor por Mim. É desse modo que a alma glorifica e honra a Minha misericórdia”

Irmã Faustina: “Meu Jesus, envolvei-me toda, a fim de que possa ser Vossa imagem durante toda a minha vida. Divinizai-me, para que os meus atos tenham valor sobrenatural. Fazei com que eu tenha, para com todas as almas sem exceção, amor, compaixão e misericórdia. Ó meu Jesus, cada um de Vossos santos reflete em si uma das Vossas virtudes; eu desejo refletir o Vosso Coração compassivo e cheio de misericórdia, quero glorifica-Lo. Que a Vossa misericórdia, Jesus, fique gravada no meu coração e na minha alma como um selo, e isto será a minha distinção nesta e na outra vida” .

Santa Faustina, intercede por mim perante o Senhor, para que também minha vida se transforme em misericórdia exercida ao próximo através de ação, palavra e oração. Que meus olhos, ouvidos, lábios, mãos, pés e coração sejam misericordiosos.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.   /   Santa Faustina, rogai por nós!

 

Quinto dia: A propagação da mensagem da Misericórdia.

 

Jesus: “No Antigo Testamento, Eu enviava profetas ao Meu povo com ameaças. Hoje estou enviando-te a toda a humanidade com a Minha misericórdia. Não quero castigar a sofrida humanidade, mas desejo curá-la, estreitando-a ao Meu misericordioso Coração. Utilizo o castigo apenas quando eles mesmos Me obrigam a isso, e é com relutância que a Minha mão empunha a espada da justiça. Antes do dia da justiça, estou enviando o dia da misericórdia” .

Irmã Faustina: “Ó meu Deus, que tudo que em mim existe Vos bendiga, meu Criador e Senhor! E com cada pulsar do meu coração desejo glorificar a Vossa insondável misericórdia. Desejo falar às almas da Vossa bondade e animá-las à confiança na Vossa misericórdia – eis a minha missão que Vós mesmo me destinastes nesta e na outra vida” .

Seguindo o seu exemplo, Santa Faustina, desejo espalhar a mensagem da Misericórdia no mundo com minha vida e minha palavra, para que alcance todas as pessoas e encha seus corações de esperança. Que a promessa de Jesus também seja cumprida em minha vida: “(…) Eu as defendo por toda a vida como uma terna mãe defende o seu filhinho e, na hora da morte, não serei para elas Juiz, mas sim Salvador misericordioso” .

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Sexto dia: Para alcançar a Divina Misericórdia para o mundo.

 

Jesus: “Minha filha, inclinei meu coração aos teus pedidos. A tua tarefa e obrigação é pedir aqui na terra a misericórdia para o mundo inteiro. Unirás as orações, os jejuns, as mortificações, os trabalhos e todos os sofrimentos com a Minha oração, jejum, mortificação, trabalho e sofrimento e assim terão poder diante de Meu Pai. Faço-te dispensadora da Minha misericórdia” .

Irmã Faustina: “Ó meu Deus, estou consciente de minha missão na santa Igreja. O meu constante empenho é pedir misericórdia para o mundo. Uno-me estreitamente com Jesus e transformo-me em sacrifício suplicante pelo mundo. Deus nada me negará, se o rogar com a voz do seu Filho. Meu sacrifício nada é por si só, mas, quando o uno ao de Jesus Cristo, torna-se onipotente e tem o poder de aplacar a ira de Deus. Deus nos ama no Seu Filho, e a dolorosa Paixão do Filho mitiga continuamente a Sua cólera” .

Santa Faustina, convosco imploro por misericórdia por todo o mundo e especialmente pelos pobres pecadores, bem como pelos sacerdotes e pessoas consagradas, para que, levando uma vida santa, possam conduzir o povo de Deus pelos caminhos da salvação.

 

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Sétimo dia: Amor à Igreja – Corpo Místico de Cristo.

 

Jesus: “Minha filha, medita sobre a vida divina que está contida na Igreja, para a salvação e a santificação da tua alma. Reflete sobre como estás aproveitando estes tesouros de graças, estes esforços do Meu amor” .

Irmã Faustina: “Procuro a santidade, porque assim serei útil à Igreja. Faço contínuos esforços na prática da virtude, tentando imitar fielmente a Jesus, e essa série de silenciosas virtudes diárias, ocultas, quase imperceptíveis, mas cumpridas com grande amor, eu a deposito no tesouro da Igreja de Deus, para o proveito comum das almas. Sinto interiormente como se eu fosse responsável por todas as almas. Sinto muito bem que não vivo só para mim, mas para toda a Igreja…” .

Grato pelos dons da Divina Misericórdia depositados na Santa Igreja, desejo que, como você – Santa Faustina – aproveite-os para me santificar e, assim, atrair outras almas às fontes da Divina Misericórdia.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Oitavo dia: O encontro com Jesus nos santos sacramentos.

 

Jesus: “Ah, como Me dói que as almas se unam tão pouco Comigo na santa Comunhão! Espero pelas almas e elas se mostram indiferentes. Amo-as tão afetuosa e sinceramente, e elas não confiam em Mim. Quero cobri-las de graças – mas elas não querem aceitá-las. Procedem Comigo como com alguma coisa inanimada e, no entanto, tenho o Coração cheio de amor e misericórdia. – Para conheceres ao menos um pouco a Minha dor, imagina a mãe mais carinhosa, que ama muito seus filhos; no entanto, esses filhos desprezam o amor da mãe: imagina a sua dor, ninguém a poderá consolar. Isso é apenas uma pálida imagem e semelhança do Meu amor” .

Irmã Faustina: “Jesus, existe mais um mistério em minha vida – o mais profundo, mas também o mais amoroso – que sois Vós mesmo, quando sob a espécie do pão, vindes ao meu coração. Aqui está todo o mistério da minha santidade. Aqui o meu coração, unido com o Vosso, torna-se um só, aqui já não existe nenhum mistério, porque tudo o que é Vosso – é meu, e o que é meu – é Vosso. Eis o poder e o milagre da Vossa misericórdia. Nem todas as línguas juntas, humanas e angélicas, encontrarão palavras suficientes para expressar esse mistério de amor e da Vossa insondável misericórdia. Tudo o que há de bom em mim – foi realizado pela santa Comunhão, a Ela devo tudo. Sinto que esse fogo santo transformou-me inteiramente. Oh, como me alegro por ser uma morada Vossa, Senhor! O meu coração é um templo em que permaneceis continuamente” .

Santa Faustina, conceda-me a graça da fé viva, para que cada sacramento seja um privilegiado encontro com Jesus, e que a Eucaristia seja o centro de toda a minha vida que a transforma em amor.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Nono dia: Devoção à Mãe de Deus.

 

Mãe de Deus: “Vossa vida deve ser semelhante à minha: silenciosa e oculta, continuamente unida a Deus, em súplica pela humanidade e a preparar o mundo para a segunda vinda de Deus” .

Irmã Faustina: “Ó doce Mãe de Deus, vós sois o modelo da minha vida, vós sois minha aurora brilhante, em vós mergulho, toda enlevada. Ó Mãe, Virgem Imaculada, em vós vejo refletido um raio de Deus. Vós me ensinais como amar o Senhor em meio às tempestades, vós sois meu escudo e defesa contra o inimigo” .

Santa Faustina, a filha mais fiel da Mãe da Misericórdia, esconde-me sob o manto para me levar a Jesus, ensina-me a participar da sua vida e missão de mostrar ao mundo a misericórdia do Pai Celestial. Desejo – como Maria – dar aos homens a Misericórdia Encarnada e preparar o mundo para Sua nova vinda.

Pai-nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai.

Santa Faustina, rogai por nós!

 

Tudo por Jesus, nada sem Maria!

Curados para amar – A palavra tem poder OUVIR TODOS